‘É bonita por natureza e abençoada por Deus’

A dona de casa…
21 de julho de 2015
O amor é uma escada quebrada
24 de julho de 2015

‘É bonita por natureza e abençoada por Deus’

 

Natal, como na música “País Tropical”, Jorge Ben, é bonita por natureza e abençoada por Deus.

O roteiro de férias em Natal, capital do Rio Grande do Norte, para quem deseja aproveitar o clima tropical brasileiro em praias de águas mornas e areias brancas é garantido até em julho, quando a temperatura cai para 23 graus e as chuvas são abundantes.

“É uma chuva de nuvem que já passa”, dizem os moradores para acalmar turistas em aflição.

1420579800025

Quilômetros de praia

Ponta Negra e o Morro do Careca são os pontos turísticos mais procurados na parte urbana. Além disso, Natal oferece muitas opções de passeios nos arredores, Genipabu, Tabatinga, Pipa, Lagoas de Arituba, Carcará, Pintagui, entre outras.

DSC00554

O bairro de Ponta Negra  é bem servido de hotéis e pousadas torna-se o ponto de partida para iniciar roteiros turísticos que são feitos de buggy (carro com tração nas rodas que anda nas dunas) ou micro-ônibus.

igreja01

Ponta Negra

Para quem se instala em Ponta Negra vale dar uma volta na ex-vila de pescadores para desfrutar do clima interiorano e conhecer a minúscula igreja que se destaca no meio da vila. O padre da Igreja de São João Batista celebra missas todos os dias, de segunda à sexta, logo depois que o sol nasce, às 6 da manhã, e nos fins de semana, além da manhã também no fim da tarde.

Outras religiões convivem harmonicamente na pequena comunidade sem problemas para quem deseja aprimorar o espírito, como evangélicas e centros espíritas.

580302_488695261179502_1793428260_n

Esbanjando simpatia

O jeito acolhedor desse povo sorridente é possível se certificar no comércio, nas feirinhas de artesanato e até no largo sorriso, que se abre numa boca de poucos dentes, daquele homem simples que trabalha na coleta de lixo.46893_488696257846069_1709984873_n

Os vendedores ambulantes na praia são inúmeros e passam e repassam num desfile sem fim, na frente dos turistas refestelados em seus guarda-sois.579721_488693164513045_94104765_n

Assim é praia de Ponta Negra que pode assustar comportados turistas europeus, mas atraí o brasileiro que se perde em meio a este comércio inusitado feito quase dentro do mar.

O colorido das cangas, saídas de banho, biquínis, chapéus, toalhas bordadas, jogadas nos ombros dos vendedores ou carregadas em carrinhos improvisados são um espetáculo à parte.

46949_488690637846631_1730705082_n5588_488695217846173_1808350238_n408165_488693167846378_1795791388_n521790_488701031178925_1989529862_n

Sem contar a venda informal de comida, crepes, espetinhos, tapioca, caipiras, vendedores de coco, cerveja e água. Apreciar este desfile sem fim, que não é de carnaval, e resistir ao desejo de consumir, já vale a ida até a praia.

IMG_2305

Outra atração interessante é a Feira do Alecrim. Esta entre as mais antigas feiras do nordeste. É realizada todos os sábados pela manhã no bairro do Alecrim (local de muitos estabelecimentos comerciais) e por ser original, sugere  um bom tema para fotos inesquecíveis.

1423314777325

Percorrê-la é como se sentir passeando em feiras antigas, em tempo do Brasil Colônia, em que tudo era vendido. Frutas suculentas e coloridas, carnes de sol, e animais vivos, bode, galinhas, caranguejos, manteiga, tapioca, tudo junto misturado.

Olhar Crítico

Natal é uma cidade bucólica vista da beira da praia, mas como toda cidade brasileira sofre o descaso de maus governos.

O povo que vive nela está acostumado com a sua cidade que é bonita por natureza e abençoada por Deus, mas não a protege como devia. É muito lixo na praia jogado fora do latão e hotéis que fazem do mar a descarga de seu esgoto. É uma pena que os órgãos que deveriam fiscalizar fecham os olhos para esta questão.

Por enquanto, a beleza natural e o pouco dos esforços ainda são suficientes para que a cidade mantenha um bom fluxo de turistas. Mas até quando? Que tal natalense pensar mais e assiduamente na proteção de sua casa!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É uma cidade essencialmente turística com seu mar azul e areia morna e branca para

 

A cidade tem ar de província e os recursos de uma capital brasileira, até com congestionamento no trânsito. As praias que circundam a cidade são areia branca, fina, macia, e o mar azul transparente. As lagoas que se localizam em locais mais distantes completam

O inverno se configura com a chuva apenas pois a temperatura, apesar de mais amena,  não muda tanto ao ponto de fazer o turista desistir da praia. Até banhos de mar é possível arriscar em pleno inverno, em julho, entre um chuva e outra, “aquela de nuvem”. É comum o morador dizer: é chuva de nuvem, já vai passar.

Comentários Facebook

comentarios

Mari Weigert
Mari Weigert
Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma. Acredita nas palavras bem ditas ou 'benditas', ou seja, bem escritas, que educam, que seduzem pelos significados, pela emoção ao informar sobre a arte da vida que se manifesta nas relações afetivas, na criação artística, nos lugares, na natureza e na energia do Universo.

2 Comentários

  1. vitoriaBasaia disse:

    Natal é brasilidade Povo gentil hospitaleiro Paisagens e praias cheias de esplendor uma gastronomia variada e saborosa Já estou com saudades Ponta Negra e Pipa me aguarde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.