Natureza pródiga de Baía Formosa

Andy Wharhol - Sopas Campbel
Um ano sem…
26 de janeiro de 2018
aindara05
Destruição de Ain Dara coloca a violência acima de qualquer valor
2 de fevereiro de 2018

Natureza pródiga de Baía Formosa

Baía Formosa, Rio Grande do Norte

Baía Formosa, Rio Grande do Norte

O nome ‘Baía Formosa’ define muito bem o espetáculo natural que o criador pincelou num canto de mar do extenso litoral do Rio Grande do Norte. O por do sol então é algo difícil de descrever. Fantástico, encantador, monumental… 

Palavras, apenas palavras que não dizem exatamente o que o coração sente quando comunga com a beleza que o Universo nos oferece de graça!

Baía Formosa é uma desses lugares paradisíacos, onde antes vivia uma pacata comunidade de pescadores. Isso antes da novela da Flor do Caribe exibida há alguns anos pela Globo. Depois disso, o pequeno trecho do litoral potiguar entrou no mapa turístico brasileiro.

O lugar é uma pequena fração das extensas e maravilhosas praias nordestinas que oferecem ao turista, quase o ano inteiro, águas mornas, areia branca, muito sol, frutos do mar e muita água de coco para nenhum freguês colocar defeito.

Turismo cresce e a terra é sem lei

Apesar algumas boas pousadas na região, o lugar carece de restaurantes, bares, principalmente à noite. Nada é sofisticado e sente-se o improviso nos serviços que são oferecidos em alguns locais. Inclusive, nas construções como mostra o deck de uma pousada  na foto. Um risco!

IMG_5529

Durante o dia é mais fácil saborear um bom peixe à moda brasileira e carne de sol em meia dúzia de restaurantes na beira da praia. ‘Meia dúzia’ é força de expressão para dizer poucos. O gaúcho Neves é um deles. Luz de Candieiro serve bem e tem um bom preço. Seus funcionários são gentis e acolhedores.

Mas para o turista menos exigente aos bens de consumo a natureza compensa as faltas. As praias são maravilhosas!

Exceto o perigo dos carros e bugues trafegando na areia, colocando em risco a circulação dos banhistas, sobretudo as crianças porque os motoristas, com medo de atolar, passam em alta velocidade nas areias fofas. Exceto também a mania que algumas pessoas têm de achar que todo mundo gosta da música que elas gostam e um som de mau gosto martela nos teus ouvidos e retira o prazer de escutar o barulho das ondas quebrando na areia.

O que vale no passeio

As  pousadas são boas e situadas no morro com panoramas naturais inesquecíveis. Os preços são acessíveis e a comida é boa e de baixo custo. Baía Formosa está localizada a 90 quilômetros de Natal. Portanto, é possível passar um final de semana diferente com muito mar e caminhadas.

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários Facebook

comentarios

Mari Weigert
Mari Weigert
Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma. Acredita nas palavras bem ditas ou 'benditas', ou seja, bem escritas, que educam, que seduzem pelos significados, pela emoção ao informar sobre a arte da vida que se manifesta nas relações afetivas, na criação artística, nos lugares, na natureza e na energia do Universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *